Sucos funcionais ou detox: será que eles realmente funcionam?

Muita gente conhece como suco detox, há também quem prefira chamar de suco funcional, mas seja qual for o nome, a verdade é que eles ajudam o organismo a eliminar as toxinas e também acabam auxiliando no processo de emagrecimento. Os sucos detox também melhoram o aspecto da pele e controle do apetite, pois as fibras presentes nos vegetais e nas frutas promovem um efeito saciante ao organismo, reduzindo o consumo de alimentos em excesso.


As fibras presentes nos alimentos que compõem o suco detox também fazem com que a digestão seja mais lenta. Assim, o açúcar dos alimentos não é absorvido todo de uma só vez. Outro benefício dos sucos funcionais é o combate ao intestino preso, deixando a pessoa mais disposta.


Mas não pense que basta tomar um ou dois copos de suco funcional e o milagre do emagrecimento ou cura de alguma enfermidade acontecerá. Especialistas alertam cada vez mais para as boas práticas de saúde que, juntamente com a ingestão dos sucos, poderão trazer mais saúde às pessoas.

Para falar sobre o assunto, convidamos a nutricionista Juliana Severo, que além de fazer parte do casting do Instituto GPI, é mestra e doutoranda em Alimentos e Nutrição pela Universidade Federal do Piauí –UFPI. Confira o nosso bate-papo:

Dra. Juliana Severo, Professora da Pós-graduação em Saúde Estética Avançada do

Instituto GPI


EXISTE MESMO ALGUM SUCO CAPAZ DE DESTOXIFICAR NOSSO ORGANISMO?


Não, isso é um mito. Essa noção de um suco detox é falsa, pois nós já temos em nosso organismo órgãos específicos que são encarregados de destoxificar nosso organismo. No entanto, esses sucos têm propriedades funcionais, ou seja, propriedades que exercem uma ação benéfica em nosso organismo, além da ação de um alimento. É interessante que as pessoas tenham esse entendimento.


O QUÊ ESSE SUCOS APRESENTAM DE DIFERENCIAL?


Um suco detox ou funcional tem um ou mais compostos bioativos, ou seja, são substâncias que vão exercer uma função interessante em nosso organismo. No suco de uva integral, por exemplo, temos uma substância chamada resveratrol que tem uma propriedade antioxidante muito importante, então quando o ingerimos ele melhora a função intestinal, neutraliza radicais livres no nosso organismo, ajuda a diminuir o processo inflamatório de forma consequente, ajuda na regulação de níveis glicêmicos, dentre outros. Claramente, isso em conjunto com uma dieta saudável.


ENTÃO NÃO ADIANTA CONSUMIR ESSES SUCOS SEM TER UMA ALIMENTAÇÃO MAIS ADEQUADA, POR EXEMPLO?


Exatamente. Esse tipo de milagre não existe. Muitas vezes os sucos têm propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias, são ricos em nutrientes, mas não adianta ter uma alimentação totalmente desequilibrada e consumir um suco de uva integral, por exemplo, e achar que ele fará milagres. Uma andorinha só não faz verão. Um conjunto de ações deve ser tomado para que o indivíduo atinja o seu objetivo.


ALÉM DE COMPRAR SUCOS DETOX NO SUPERMERCADO, POR EXEMPLO, PODEMOS FAZER SUCOS DETOX EM CASA. PODEMOS DIZER QUE É MELHOR FAZER DO QUE COMPRAR OS INDUSTRIALIZADOS?


Se você puder fazer o próprio suco é bem melhor, porque você terá um suco vindo de uma fruta fresca com boa qualidade nutricional, vai misturar sem precisar adicionar nenhum tipo de conservante. Quanto aos sucos industrializados, eles podem ser uma excelente ferramenta para quem não tem tempo de preparar o suco. Mas sim, o suco feito em casa sempre é melhor!


ENTÃO OS SUCOS PODEM SER UTILIZADOS, MAS É NECESSÁRIO QUE A PESSOA REALIZE OUTRAS ATIVIDADES, CERTO?


Exatamente, se a pessoa não tem uma base bem feita, não será um suco detox ou chá, por exemplo, que fará uma real diferença. Atividade física e alimentação saudável também são importantes, mas os alimentos não têm propriedades mágicas, eles ajudam bastante na construção da qualidade de vida, desde que estejam inseridos num contexto geral da alimentação equilibrada e saudável.



No vídeo abaixo, assista a entrevista na íntegra sobre "Sucos funcionais ou detox: será que eles realmente funcionam?" Por Nehemias Lima - Jornalista.